Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Páginas soltas...

Páginas soltas...

16
Mai20

Vou deixar-me conduzir...

gaivotazul

Vou deixar que seja a música a conduzir-me. Que me diga por onde ir e com que intensidade. Que me mostre quando abrandar o passo, dar meia volta ou fincar o pé no chão.

 

Vou deixar que seja a música a conduzir-me. Que me diga quando gritar, segredar palavras ou calar. Cantar a uma só voz ou em coro numa desafinação sincronizada.

 

A música, sempre a música. Feita de notas e compassos. Com espaço para os baixos e graves da minha vida, com tempo para os silêncios, em que se cala para que me consiga ouvir.

 

A música, sempre a música. Minha cúmplice e confidente, companheira de aventuras e desventuras. Meu alíbi e minha testemunha, que me encobre e denuncia. Que me entrega, e a quem me entrego.

 

Vou deixar que seja a música a conduzir-me. Que me mostre que o improviso é por vezes a melhor coreografia a seguir. Que o coração sabe ver melhor do que os olhos. Que quando a seguimos não há como errar. Todos os passos são certos.

 

Vou deixar que seja a música a conduzir-me. Que me mostre quando correr, saltar ou estancar o passo. Que me aconselhe e desencaminhe. Perder-me por entre partituras para me encontrar entre um Si e um Sol.

 

Vou deixar-me conduzir...

 

fundo-da-aguarela-com-pentagrama-e-notas-musicais_

 

 

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D