Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Páginas soltas...

Páginas soltas...

19
Abr18

Times's up!

gaivotazul

Estou no carro. Estacionei em segunda fila. Não há lugares mas não tenho para onde ir. Vou ficar aqui mesmo. Dentro do meu casulo. Vendo a vida desenrolar-se lá fora. Os outros correm. Têm para onde ir. Eu não.

 

Ligo o rádio. Identifico de imediato a banda que toca na rádio. Memória auditiva. Sempre me disseram ter “ouvido para a música” Talvez…

 

Simply Red. Enquanto a música passa, todo o meu mundo abranda. Abranda até conseguir voltar a ouvir os meus pensamentos. Reencontro um equilíbrio frágil que sei em breve se perderá.

Sinto-me bem aqui. Um carro e um rádio.

 

Quantas horas passei dentro de um carro. A sós mas sempre tão acompanhada. Um carro sujo, desarrumado, com cheiros característicos que não se identificam. Onde embalagens vazias, restos de alimentos, papéis diversos, clips, moedas, elásticos e outros tantos objetos se podem encontrar. Com pó, pólen e lama. Uma camuflagem perfeita que me isola do exterior. O meu mundo.

 

Percorro as estações. Saltando de rádio sempre que a música não me toca. Aumentando o volume, aproveitando a sonoridade e a insonorização do carro para cantar. Viajando em pensamento enquanto canto. Sonhando com tudo o que gostaria de realizar. Com tudo o que vou realizar.

 

A luminosidade vai diminuindo. A noite já não tarda. O meu tempo a sós está a esgotar-se. Inspiro fundo. Tenho de abrandar. Não antecipar o que virá. Com o cansaço a levar-me a melhor.

 

Time’s up…