Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Páginas soltas...

Páginas soltas...

26
Jul18

Ao fechar do livro, não se acaba uma história...

gaivotazul

"E saí para sempre das vidas delas, transformando-me numa das últimas linhas da sua história."

 

Leio a frase devagar, retirando dela todo o seu sentido. Quando a terminar de ler, sei que terminará a história que nos foi contada, não por uma mas por várias personagens numa narrativa complementar. Como complementares somos uns na relação com os outros. O mundo é bem mais pequeno do que se possa pensar, e se de facto for redondo voltaremos sempre ao ponto de onde partimos. 

 

Durante semanas viajei nas páginas deste livro. Uma viagem tanto física quanto emocional. Percorri países e fronteiras que não conheci e que nunca atravessei. Vi-me em cenários de guerra e desolação onde a esperança encontrou forma de irromper. Onde a distância jamais conseguiu quebrar os laços. De sangue mas principalmente de afeto. Vislumbrando o fim da última página, encerro a certeza de que não será o fim da história e que a este mesmo livro voltarei em breve, e por mais que uma vez. Como se ao fazê-lo conseguisse entender o que não percebi, ver o que não vi, escutar o que não ouvi... A vida de alguém não termina simplesmente porque sobre ela se deixou de escrever. A Vida de alguém não se esgota nas linhas que foram escritas. Tão ou mais importante será o que ficou por ler que ninguém quis escrever. Sei que ao fechar do livro, não se acaba uma história.

IMG_4105.JPG